Com o advento da vacinação da população brasileira e a melhoria dos indicadores epidemiológicos, a UFRJ está se reorganizando mais uma vez para que, no período letivo de 2021.2, os cursos de graduação retornem de forma gradual e segura as suas atividades práticas. O plano de retorno do Centro Multidisciplinar da UFRJ-Macaé foi elaborado levando em consideração diversos documentos produzidos pelo Grupo de Trabalho Para Planejamento do Retorno Gradual das Atividades Didáticas Práticas, Grupo de Trabalho Coronavírus, Grupo de Trabalho Pós-Pandemia e Grupo de Trabalho Pós Pandemia UFRJ-Macaé. O trabalho de todos esses grupos foi fundamental para nortear a elaboração dos planos de retorno das atividades didáticas práticas dos cursos de graduação do CM UFRJ-Macaé.

Clique aqui e visualize o documento.


Aproximar a sociedade da pesquisa feita na UFRJ. Esse é objetivo da plataforma Conecta UFRJ, lançada neste mês na Universidade. Fruto de parceria entre o Parque Tecnológico, a Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (PR-2) e o Instituto Tércio Pacitti de Aplicações e Pesquisas Computacionais (NCE), o Conecta UFRJ possibilita que qualquer pessoa acesse as pesquisas produzidas pela instituição de forma unificada.

O objetivo da plataforma também é aproximar possíveis parceiros para projetos. Nesse sentido, o Conecta UFRJ facilita o mapeamento das competências da Universidade em áreas de pesquisa científica e tecnológica, identificando quem são os especialistas nos diversos campos de conhecimento com maior potencial de colaboração para parcerias, seja em instituições públicas ou privadas.

No menu Buscar, é possível localizar cientistas, laboratórios, temas relacionados e palavras-chave. No exemplo, a palavra “câncer” foi procurada e os diversos resultados encontrados para o usuário selecionar e acessar a informação que quiser
 
Mais informações no site Conexão UFRJ.

O Conecta UFRJ já está no ar. Acesse: conecta.parque.ufrj.br.

Por: Victor França - CoordCom - UFRJ


As equipes técnicas do Centro Multidisciplinar UFRJ-Macaé e da Prefeitura de Macaé realizaram visita, na última terça-feira 5 de outubro, ao Parque Tecnológico da UFRJ, na Ilha do Fundão. O espaço é um ambiente de inovação que tem como objetivo promover a interação entre a universidade – alunos e corpo técnico-acadêmico – e as empresas. A proposta foi perceber qual o ganho para o desenvolvimento econômico do município ao optar por esse tipo de ação na região.
O Parque abriga centros de pesquisas de empresas de grande porte, nacionais e multinacionais, além de pequenas e médias, startups, espaços para o desenvolvimento de empreendedorismo e integração e laboratórios da UFRJ. A ideia é gerar conexões que potencializem a transformação do conhecimento em inovação, contribuindo para o desenvolvimento sustentável da sociedade.

UFRJ Campus Macaé
Desenvolvido por: TIC/UFRJ